Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Inglês
  3. Interpretação de músicas em inglês no Enem

Interpretação de músicas em inglês no Enem

Saber fazer corretamente a interpretação de músicas em inglês no Enem pode ser um grande diferencial para um bom desempenho no exame.

Ao observar as provas dos anos anteriores do Enem, nota-se o uso de poemas e músicas em quase todas elas. Quando o Enem faz uso desses recursos em suas questões, há sempre o intuito de levantar questionamentos para o leitor (aluno). As músicas sempre trazem uma mensagem sobre algum tema de cunho social e que abrange alguma linha de raciocínio, que o candidato precisa identificar. Algumas músicas trazem uma mensagem de alerta sobre as guerras sem propósito, outras denunciam a desigualdade social, outras expõem a questão do racismo, outras, as consequências de uma globalização desenfreada e assim por diante.

Normalmente, nas questões que envolvem música, o examinador faz uma pergunta e espera que o aluno encontre a resposta no texto, o que não significa que estará escrito. Pode ser um sentido abstrato que é passado pelo sentimento que pode ter levado o autor a compor a música ou outras possibilidades.

É de extrema importância que o aluno leia atentamente a pergunta e a música em questão. Em alguns casos, o nome do autor da música já dá uma base sobre o tema. Como isso é possível? Muito simples! O nome do autor traz com ele uma identidade e uma época, que, por sua vez, podem sugerir as causas que o levaram a escrever a música. Essa contextualização histórica é importante para que o aluno possa situar-se no ambiente no qual a canção foi escrita para conseguir tirar uma conclusão precisa da mensagem passada por ela.

Veja um exemplo:

As alternativas dadas nessa questão são bem distintas da única alternativa verdadeira. Primeiramente, apenas por sabermos que o cantor é Bob Marley, já podemos imaginar o teor da canção, sabemos que se trata de um assunto social. O nome da música mostra claramente sobre o que vai ser dito, “War” (guerra), e essa guerra, obviamente, não é contra o povo africano como induzem as letras “a” e “d”. A música afirma que houve guerra em razão da disparidade social e racial. Segundo Bob, não haverá paz enquanto houver diferenças entre classes e raças.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A terceira estrofe diz:

And until the ignoble and unhappy regimes that hold our brothers in Angola, in Mozambique, South Africa sub-human bondage have been toppled, utterly destroyed well, everywhere is war, me say war.

Até que os regimes ignóbeis e infelizes, que aprisionam nossos irmãos na Angola, em Moçambique e África do sul em condições subumanas, sejam derrubados e inteiramente destruídos, haverá guerra, eu disse guerra.

A canção afirma que o povo africano está sofrendo e sendo aprisionado por um sistema racista e injusto. Em nenhum momento, o cantor coloca um país contra o outro, como diz a questão “c”.

Por fim, a questão “e” seria a primeira eliminada pelo aluno que leu atentamente a canção, pois a música inteira é uma denúncia sobre a causa da guerra, e nenhum dos motivos mostrados por Bob refere-se à fragilidade das diferenças raciais como justificativa para o início do conflito. Ele não diz nada parecido em nenhum momento.

As críticas e denúncias são contra “a filosofia que sustenta uma raça superior e outra inferior”, um sistema falho que permite e incita a existência de “cidadãos de 1º e 2º classe” e que considera a cor de um homem mais importante do que seu caráter. Além disso, essas críticas são contra também os “regimes ignóbeis e infelizes”, que ditam todas as regras que fazem o sistema continuar com um olhar ignorante e preconceituoso em relação ao negro.

O fato de sabermos quem foi Bob Marley, sua origem e sua cor ajuda-nos a entender sua luta e, consequentemente, suas razões. Isso ajuda bastante no momento de interpretar a canção para encontrar a alternativa correta. O aluno precisa ficar atento a todas as pistas que a questão oferece a ele.

Não se esqueça: manter-se atualizado sobre o que está acontecendo no Brasil e no mundo é importante tanto para as questões de interpretação de texto como para as questões com música, pois, pode haver a necessidade de ligação de um determinado período da história com uma situação atual do mundo.

Bons estudos e boa prova!

Saber interpretar músicas em inglês pode ser um grande diferencial para o exame
Saber interpretar músicas em inglês pode ser um grande diferencial para o exame
Publicado por: Janaína Pereira Mourão

Assuntos Relacionados