Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Matemática
  3. Geometria
  4. Semelhança de Triângulos

Semelhança de Triângulos

Identificando dois triângulos semelhantes
Identificando dois triângulos semelhantes

Sabemos que triângulos são polígonos. Sendo assim, o estudo que é feito para identificar a semelhança de figuras poligonais será válido para o estudo da semelhança de triângulos. Com isso, dois triângulos serão semelhantes se satisfizerem duas condições simultaneamente: se seus lados correspondentes possuírem medidas proporcionais e se os ângulos correspondentes forem iguais (congruentes).

Se invertermos a afirmação feita acima, teremos um fato verdadeiro: as condições são satisfeitas somente quando os triângulos são semelhantes.

Vejamos um desenho para que possamos compreender melhor:

Triângulos semelhantes

Antes, temos que determinar a correspondência dos vértices de cada triângulo, pois assim determinaremos a correspondência dos lados e dos ângulos entre estes dois triângulos.

Os vértices A, B, C correspondem, respectivamente, aos vértices A’, B’, C’. Sendo assim, montaremos as razões de proporcionalidade entre os lados correspondentes.

Proporcionalidade dos lados

Uma das condições é que todos os lados correspondentes possuam uma proporcionalidade, que chamaremos neste caso de k. Ressaltando que essa razão foi construída pela divisão de cada lado correspondente: veja que o lado A’B’ do segundo triângulo corresponde ao lado AB do primeiro triângulo. Por este fato, a divisão foi feita entre eles, e de mesmo modo com os outros lados.

Entretanto, apenas a condição de proporcionalidade dos lados não é suficiente para afirmarmos a semelhança entre os dois triângulos. Necessitamos que seus ângulos correspondentes sejam iguais.

Igualdade dos ângulos correspondentes

Sendo assim, indicaremos a semelhança destes triângulos desta forma:

Condições para semelhança de dois triângulos


Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)


Exemplo:

Verifique se os triângulos a seguir são proporcionais.

Triângulos do exemplo 1

Ao verificarmos a congruência dos ângulos, teremos que:



Temos agora que verificar a proporcionalidade dos lados.



Note que todos os lados possuem a mesma razão de proporcionalidade (1/2).

Sendo assim, podemos afirmar que




Por Gabriel Alessandro de Oliveira
Graduado em  Matemática

Artigo relacionado
Teste agora seus conhecimentos com os exercícios deste texto
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados