Ácidos carboxílicos e filtros solares

Algumas substâncias orgânicas possuem a propriedade de proteger a pele, os ácidos carboxílicos são um exemplo, eles são usados na produção de filtros solares.

A coloração esbranquiçada do protetor, que nos faz parecer “palhaços” quando o espalhamos pelo rosto, se deve à presença de óxidos metálicos, dentre eles, ZnO (óxido de zinco) e TiO2 (óxido de titânio). Entre outros componentes está o ácido p-aminobenzoico (PABA), de fórmula molecular C7H7NO2, além da proteção ele ainda proporciona um belo bronzeado.

Como o protetor age sobre a pele? A principal função é impedir que os raios solares nocivos (UVA) sejam absorvidos pelo organismo. A sigla FPS (fator de proteção solar) indica o tempo permitido de exposição ao sol após ter aplicado a loção protetora. Se o FPS for 8, você poderá permanecer no sol por um período 8 vezes maior do que se estivesse sem proteção, e assim por diante.

Se o FPS for 15, significa que ele reduz 15 vezes a influência dos raios ultravioleta, ou seja, após 15 horas teremos o mesmo efeito sobre a pele que teríamos em 1 hora sob o sol, sem proteção nenhuma.

Veja mais!
Polaridade de ácidos carboxílicos 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Qual a composição do filtro solar?
Qual a composição do filtro solar?
Publicado por: Líria Alves de Souza

Assuntos Relacionados