Classe dos Hidrocarbonetos

Hidrocarbonetos são todos os compostos constituídos unicamente por carbono e hidrogênio (C, H). Vejamos as características gerais dos componentes desta classe:

- Alcanos ou parafinas: são hidrocarbonetos alifáticos saturados, isto é, apresentam cadeia aberta com apenas simples ligações. O nome parafinas vem do latim: parum = pequena + affinis = afinidade, e quer dizer "pouco reativas".
Fórmula geral: CnH2n+2

- Alcenos ou olefinas: são hidrocarbonetos alifáticos insaturados que apresentam uma dupla ligação. Este termo olefinas provém do latim: oleum = óleo + affinis = afinidade, e significa que eles reagem com substâncias oleosas.
Fórmula geral: CnH2n

- Alcinos: são hidrocarbonetos alifáticos insaturados por uma tripla ligação.
Fórmula geral: CnH2n-2

- Alcadienos ou dienos: são hidrocarbonetos alifáticos insaturados por duas ligações duplas.
Fórmula geral: CnH2n-2

Hidrocarbonetos Cíclicos

Esta classe se subdivide em:

- Cicloalcanos, ciclanos ou cicloparafinas: apresentam cadeia fechada com apenas simples ligações.
Fórmula geral: CnH2n

- Cicloalcenos, ciclenos ou ciclolefinas: são hidrocarbonetos cíclicos insaturados com uma dupla ligação.

- Aromáticos: são hidrocarbonetos que em cuja estrutura existe pelo menos um anel benzênico ou aromático.

Grupos Orgânicos Substituintes e Radicais:

Grupos substituintes: os compostos orgânicos também têm a capacidade de originar radicais. Quando essas espécies orgânicas aparecem substituindo um ou mais átomos de hidrogênio de uma estrutura orgânica, elas são denominadas grupos orgânicos substituintes.

Radicais: são agrupamentos ou átomos eletricamente neutros que apresentam pelo menos um elétron de valência livre, podendo ser representados geralmente por R—.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados