Cloro

O cloro é um elemento químico da família dos halogênios que apresenta diversas características, como a grande reatividade, e utilizações importantes no tratamento de água.

O cloro é um elemento químico representado pela sigla Cl, em razão do nome dado a ele em latim, chlorum, que significa verde. Ele foi nomeado dessa forma porque, quando formado no estado gasoso, apresenta-se na cor amarelo-esverdeada.

Esse elemento foi preparado pela primeira vez no ano de 1774, pelo cientista Carl Scheele, que reagiu o ácido clorídrico com o dióxido de manganês e percebeu a formação de um gás de cor amarelo-esverdeado:

HCl + MnO2 → MnCl2 + Cl2 + H2O

Porém, apenas em 1810, o cloro foi reconhecido como um elemento pelo químico Humphry Davy, que também o designou dessa forma.

Características atômicas do cloro

  • Número atômico = 17;

  • Número de elétrons nas eletrosferas = 17;

  • Número de prótons no núcleo = 17;

  • Massa atômica = 35,5 u;

  • Massa molar = 35,5 g/mol;

  • Número de níveis de energia = 3 (K, L, M);

  • Número de subníveis de energia = 5 (1 no nível K, 2 no nível L, 2 no nível M);

  • Subnível mais energético = 3p5;

  • Subnível mais externo = 3p5.

Distribuição eletrônica do elemento cloro
Distribuição eletrônica do elemento cloro

Caraterísticas periódicas do cloro

O cloro está localizado no terceiro período da família VII A, ou família dos halogênios, ou grupo de 17 da tabela periódica. Além disso, esse elemento se destaca com relação a algumas propriedades periódicas:

  • Raio atômico: Dos elementos que pertencem ao terceiro período da tabela periódica, o cloro apresenta raio maior apenas que o do elemento argônio;

  • Eletronegatividade: É um elemento químico que apresenta uma elevada eletronegatividade quando comparado à de outros ametais, como o bromo e o carbono;

  • Elevada eletroafinidade;

  • Baixa eletropositividade.

Características físicas do cloro

  • Ponto de fusão: -103 oC;

  • Ponto de ebulição: -34 oC;

  • Estado físico: gasoso (à temperatura ambiente);

  • É um ametal;

  • Suas moléculas são lineares;

  • Sua forma molecular é apolar.

Características químicas do cloro

O cloro é um elemento químico bastante reativo e é um composto que participa de diversos processos químicos, principalmente os orgânicos, nas chamadas reações de cloração de:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Alcenos;

  • Alcinos;

  • Alcadienos;

  • Ciclanos;

  • Aromáticos.

Exemplo de uma reação de cloração de um alceno
Exemplo de uma reação de cloração de um alceno

Na natureza, uma prova da grande reatividade do cloro é o fato de que ele não seja encontrado de forma isolada. Esse elemento faz parte da composição de diversas substâncias diferentes, sejam elas orgânicas ou inorgânicas.

Um grande exemplo da interação do cloro com outros elementos, na formação de substâncias, é o cloreto de sódio (NaCl).

Métodos de produção

Em geral, o cloro pode ser obtido a partir de dois processos:

a) Eletrólise ígnea do cloreto de sódio

Nesse processo, o cloreto de sódio sofre uma fusão (passagem do estado sólido para o líquido). Em seguida, uma descarga elétrica chega até o recipiente, fazendo com que os íons cloro, dissociados na fusão, formem a substância simples cloro gasoso durante uma oxidação.

Equações da eletrólise ígnea do NaCl
Equações da eletrólise ígnea do NaCl

b) Eletrólise aquosa do cloreto de sódio

Nesse processo, o cloreto de sódio é dissolvido em água, que sofre autoionização (produz íons). Depois, uma descarga elétrica chega até o recipiente, fazendo com que os íons cloro, dissociados na fusão, formem a substância simples cloro gasoso durante uma oxidação.

Equações da eletrólise aquosa do NaCl
Equações da eletrólise aquosa do NaCl

Utilizações do cloro

O cloro é muito utilizado em:

  • Produção de borrachas sintéticas;

  • Produção de produtos sanitários (por exemplo, a água sanitária);

  • Produção de materiais plásticos (exemplos: PVC, teflon,);

  • Produção de solventes orgânicos (por exemplo, o tetracloreto de carbono);

  • Produção de inseticidas (por exemplo, o DDT);

  • Produção de produtos farmacêuticos, como o desinfectante hospitalar;

  • Produção de produtos veterinários (por exemplo, para o tratamento de pele em cães e gatos);

  • Na desinfecção de água para o abastecimento público, por meio da ação do ácido hipocloroso;

  • Na depuração de águas residuais, para evitar a proliferação de bactérias em esgotos e o consequente aumento do mau cheiro.

Símbolo utilizado para representar o elemento cloro
Símbolo utilizado para representar o elemento cloro
Publicado por: Diogo Lopes Dias

Assuntos Relacionados