Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Química Orgânica
  4. Reações Orgânicas
  5. Efeito ressonante no anel benzênico

Efeito ressonante no anel benzênico

O efeito ressonante no anel benzênico é um efeito eletrônico que orienta a substituição eletrofílica seguinte.
O efeito ressonante no anel benzênico é um efeito eletrônico que orienta a substituição eletrofílica seguinte.

Conforme dito no texto “Efeito Indutivo no Anel Benzênico”, quando se efetuam duas substituições em um anel aromático, verifica-se que a posição do segundo grupo substituinte no anel benzênico dependerá do primeiro grupo de substituição.

Para explicar esse fato existem dois efeitos eletrônicos que o primeiro grupo ligante causa no anel, um deles é o efeito ressonante.

Definição conceitual de efeito ressonante.
Definição conceitual de efeito ressonante.

Esse efeito pode ocorrer em ligações π de ligações duplas ou triplas.

Se o grupo substituinte for um doador de elétrons, ele realizará a ressonância dentro do anel, isto é, deslocalizará a carga negativa ao longo do anel benzênico. Um grupo que realiza isso é o ─ OCH3, conforme mostrado a seguir:


Representação do efeito ressonante com um grupo elétron-doador.

Observe que o oxigênio doa elétrons para o anel benzênico, fornecendo mais um contribuinte de ressonância e aumentando a estabilização dela. Isso aumenta a densidade eletrônica no anel, o que faz com que a próxima reação de substituição ocorra com maior velocidade, pois o grupo que irá atacar é eletrofílico (possui carga positiva) e está ávido para ganhar elétrons.

Assim, quando um grupo ligante ao anel age dessa forma, como elétron-doador, dizemos que ele é ativante e irá orientar o grupo seguinte para se ligar nas posições orto e para do anel.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O efeito de ressonância por doação de elétrons aplica-se com diminuição da força na seguinte ordem:

Ordem de ativação do efeito ressonante.
Ordem de ativação do efeito ressonante.

Em que “R” corresponde a um radical alquila e X representa os hidrocarbonetos. Observe que essa é a ordem de habilidade de ativação dos grupos, sendo que os grupos aminos são altamente ativadores, os grupos hidroxila e alcoxila são menos ativadores e os halogênios são fracamente desativadores.

Se o contrário acontecer, ou seja, se o grupo atuar como um receptor de elétrons do anel, ele irá diminuir a densidade eletrônica e a estabilidade da ressonância. Um grupo que age dessa forma é o


Representação do efeito ressonante com um grupo elétron-receptor.

Nesse caso, o grupo age como um desativante e orientador meta.

Resumindo, temos:

Resumo de efeito ressonante e orientação dos substituintes.
Resumo de efeito ressonante e orientação dos substituintes.

Assuntos Relacionados