Gelo seco

O dióxido de carbono sólido, popularmente conhecido como gelo seco, possui uma propriedade peculiar que faz com que ele seja muito utilizado para efeitos especiais.

Gelo seco é o nome popular dado ao dióxido de carbono sólido “CO2 (s)”. Esse composto é vastamente utilizado para promover efeitos especiais e recursos cênicos em filmes, shows, festas, etc.

Processo de obtenção do gelo seco

O processo é simples, resfria-se o gelo normal a uma temperatura inferior a -78ºC. A temperatura do gelo, como está muito fria, faz com que os cubos exalem fumaça ao entrar em contato com a pressão atmosférica. Tudo se deve à transformação: o gelo muito resfriado quando sofre mudanças bruscas de temperatura (aquecimento) torna-se um gás de dióxido de carbono.

Quando o ar quente (temperatura ambiente) passa sobre o gelo-seco, forma-se uma densa nuvem branca, que permanece ao nível do chão em razão da diferença de densidade. A nuvem é mais pesada que o ar ambiente, essa nuvem simula a formação de fumaça, produzindo assim o efeito especial.

O dióxido de carbono sólido é também usado para refrigeração. Neste caso é uma ótima opção para viagem: as baixas temperaturas permitem uma melhor conservação dos alimentos.
 

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
Como obter gelo seco?
Como obter gelo seco?
Publicado por: Líria Alves de Souza