Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Físico-Química
  4. Equilíbrio Químico
  5. Influência da Concentração no Deslocamento do Equilíbrio Químico

Influência da Concentração no Deslocamento do Equilíbrio Químico

Conforme dito no texto “O Princípio de Le Chatelier”, se um equilíbrio químico sofrer alguma perturbação, ele tende a se reajustar no sentido de diminuir os efeitos dessa força. Portanto, se alterarmos algo na reação ocorrerá um deslocamento do equilíbrio.

Um dos fatores que podem influenciar no deslocamento do equilíbrio químico é a concentração, tanto dos reagentes como dos produtos.

Resumidamente, temos que:

Influência da concentração no deslocamento do equilíbrio

Considere a seguinte reação genérica, em que as letras minúsculas são os coeficientes da equação e as letras maiúsculas são as substâncias:

a X + b Y ↔ c Z

  • Se aumentarmos a concentração de X ou de Y: deslocaremos o equilíbrio para a direita (→);
  • Se aumentarmos a concentração de Z: deslocaremos o equilíbrio para a esquerda (←);
  • Se diminuirmos a concentração de X ou de Y: deslocaremos o equilíbrio para a esquerda (←);
  • Se diminuirmos a concentração de Z: deslocaremos o equilíbrio para a direita (→).

Mas, por que isso ocorre? Vejamos uma reação simples em equilíbrio e vejamos o que ocorre em três possíveis situações:

1 H2 + 1 CO2(g) ↔ 1 H2O(g) + 1 CO(g)
Tddireta = Tdinversa

1ª situação: Adição de H2 e CO2

Se adicionarmos CO2(g) e H2(g) no equilíbrio, imediatamente as suas concentrações irão aumentar, aumentando também o número de choques efetivos que ocorrem entre suas moléculas. Desse modo, haverá um aumento na taxa de desenvolvimento da reação direta, para diminuir a quantidade de CO2(g) e H2(g) adicionados e levando à formação de mais H2O(g) e CO(g). Isso significa que o equilíbrio estará sendo deslocado para a direita.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Com o tempo, a concentração de CO2(g) e de H2(g) diminuirá e a concentração de H2O(g) e CO(g) aumentará, até que o sistema entre novamente em equilíbrio.

Deslocamento do equilíbrio para a direita

Esse deslocamento também pode ser entendido por meio da constante do equilíbrio (Kc), que é dada por:

Kc = [H2O] . [CO]
        [H2] . [CO2]

Ao adicionarmos CO2(g) e H2(g) no equilíbrio, estamos aumentando a sua concentração ([H2] .[CO2] ↑). Kc é constante, não varia, portanto, a concentração de H2O(g) e CO(g) ([H2O] . [CO] ↑) também terá de aumentar para manter a quantidade matemática.

2ª situação: Adição de H2O(g) e CO(g)

Nesse caso, ocorre o efeito contrário do visto anteriormente, porque será aumentada a concentração dos produtos, que serão transformados parcialmente em H2O(g) e em CO(g). O equilíbrio será forçado a se deslocar para a esquerda.

Deslocamento do equilíbrio para a esquerda

3ª situação: Remoção de H2O(g) e CO(g)

Se retirarmos parte de H2O(g) e de CO(g) suas concentrações irão diminuir e, consequentemente, a taxa de desenvolvimento da reação inversa irá ficar menor e o equilíbrio será deslocado para a direita.

Deslocamento do equilíbrio para a direita

ATENÇÃO: É importante ressaltar que isso não vale para compostos sólidos, porque a concentração de um sólido é constante e não depende da quantidade. Portanto, se alterarmos a quantidade de um reagente e/ou produto sólido, o equilíbrio não será deslocado.

O aumento ou a diminuição da concentração dos reagentes e/ou dos produtos desloca o equilíbrio químico
O aumento ou a diminuição da concentração dos reagentes e/ou dos produtos desloca o equilíbrio químico
Publicado por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça
Assista às nossas videoaulas

Assuntos Relacionados