Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Química nuclear
  4. Elementos radioativos

Elementos radioativos

Os elementos radioativos são aqueles cujos átomos apresentam como principal característica a instabilidade nuclear, ou seja, eliminam radiações.

Elementos radioativos são aqueles cujos átomos apresentam a capacidade de eliminar radiação (energia) alfa, beta ou gama, de forma espontânea, a partir do seu núcleo (que apresenta prótons e nêutrons).

Todos os átomos de um elemento químico que apresenta número atômico maior ou igual a 84 são radioativos, independentemente se esse elemento for natural (encontrado na natureza) ou artificial (também denominados transurânicos, produzidos em laboratório). Isso ocorre porque quanto maior o número de prótons e maior a massa do núcleo, maior a probabilidade de emissão de radiação.

Elementos radioativos

→ Elementos radioativos naturais

  • Polônio (84Po)

  • Astato (85At)

  • Radônio (86Rn)

  • Frâncio (87Fr)

  • Rádio (88Ra)

  • Actínio (89Ac)

  • Tório (90Th)

  • Protactínio (91Pa)

  • Urânio (92U)

→ Elementos radioativos artificiais (transurânicos)

São todos os elementos presentes na tabela periódica que apresentam um número atômico maior ou igual a 93.

  • Netúnio (93Np)

  • Plutônio (94Pu)

  • Amerício (95Am)

  • Cúrio (96Cm)

  • Berquélio (97Bk)

  • Califórnio (98Cf)

  • Einstênio (99Es)

  • Férmio (100Fm)

  • Mendelévio (101Md)

  • Nobélio (102No)

  • Laurêncio (103Lr)

  • Rutferfórdio (104Rf)

  • Dúbnio (105Db)

  • Seabórgio (106Sg)

  • Bório (107Bh)

  • Hássio (108Hs)

  • Meitnério (109Mt)

  • Darmstadtio (110Ds)

  • Roentgênio (111Rg)

  • Copernício (112Cn)

  • Nihônio (113Nh)

  • Fleróvio (114Fl)

  • Moscóvio (115Mc)

  • Livermório (116Lv)

  • Tenessino (117Ts)

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Oganosseno (118Og)

Isótopos radioativos

Todos os elementos químicos da tabela periódica, independentemente se radioativos ou não, apresentam isótopos, ou seja, átomos com o mesmo número atômico e diferentes números de massa.

No caso dos elementos radioativos, ou seja, aqueles com número atômico maior ou igual a 84, a grande maioria dos seus isótopos são radioativos. Já no caso dos elementos químicos que apresentam número atômico inferior a 84, um ou outro isótopo desse elemento é radioativo. Exemplo:

  • Hidrogênio-3 ou trítio (1H3): é o isótopo radioativo do elemento químico hidrogênio, e seus outros dois isótopos não radioativos são o prótio (1H1) e o deutério (1H2);

  • Césio-137 (55Cs137): é o isótopo radioativo do elemento químico césio, e alguns outros de seus 31 isótopos não radioativos são o césio-133 (55Cs133) e o césio-135 (55Cs135).

Algumas aplicações de elementos radioativos

  • Urânio-235: é utilizado em reatores nucleares;

  • Tecnécio-99: é usado no estudo de exames de imagem do cérebro, pulmões e fígado;

  • Iodo-131: é utilizado no tratamento pós-cirúrgico de carcinoma da tireóide;

  • Plutônio-239: é empregado na confecção de armas nucleares e como combustível para reatores nucleares;

  • Samário-153: é utilizado no tratamento de câncer ósseo.

Símbolo utilizado para indicar a presença de um elemento ou material radioativo
Símbolo utilizado para indicar a presença de um elemento ou material radioativo
Publicado por: Diogo Lopes Dias

Assuntos Relacionados