Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Química
  3. Curiosidades Químicas
  4. Por que se joga sal nas estradas em lugares frios?

Por que se joga sal nas estradas em lugares frios?

Por que se joga sal nas estradas em lugares frios?
Caminhão retirando neve das estradas*

Você já deve ter visto em programas de TV que em países frios, como nos Estados Unidos, no Canadá e nos países europeus, quando o inverno está muito rigoroso, eles costumam jogar sal de cozinha (NaCl – cloreto de sódio) sobre o leito das ruas e estradas consideradas prioritárias ao trânsito.

Por que isso é feito? Que alterações o sal provoca nas propriedades da neve (água no estado sólido)?

Na realidade, não é apenas o cloreto de sódio que é jogado, mas ele é misturado à areia. Costuma-se usar também cloreto de cálcio (CaCl2). Cada um desses componentes possui uma função definida que são muito eficientes para tratar do problema da neve nas estradas.

Caminhão jogando mistura de sal, cloreto de cálcio e areia para dificultar a formação de gelo nas estradas
Caminhão jogando mistura de sal, cloreto de cálcio e areia para dificultar a formação de gelo nas estradas

O cloreto de sódio tem a capacidade de abaixar o ponto de congelamento da água, que ao nível do mar é de 0 ºC. Assim, se fosse adicionado apenas o sal, o gelo iria derreter, pois seria preciso que ele ficasse ainda “mais frio” para congelar novamente.

Essa é uma propriedade coligativa denominada de crioscopia, que diz que quando adicionamos algum soluto não volátil a um solvente, o seu ponto de congelamento diminui, pois as interações entre as partículas dissolvidas e as moléculas do solvente (no caso, a água) impedem que as moléculas de água se organizem e formem a estrutura sólida.

O cloreto de sódio forma com a água uma solução de ponto de solidificação menor que o da água pura.  É também por conta disso que muitas pessoas jogam o sal no gelo quando querem congelar bebidas mais rapidamente.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Adiciona-se sal no gelo para congelar bebidas

Além disso, essa propriedade também explica o fato de que a água dos oceanos não se congela totalmente, mesmo em locais muito frios com a temperatura abaixo de 0 ºC. Isso se dá porque a água do mar possui sais dissolvidos que diminuem a sua temperatura de congelamento. As camadas de gelo formadas e os icebergs são, na verdade, água doce que se congelou.

Os icebergs são constituídos de água doce

Voltando ao caso das estradas, como atuam o cloreto de cálcio e a areia?

Bom, a dissolução do cloreto de cálcio é exotérmica, ou seja, libera calor para o meio ambiente e, portanto, torna a solução “mais fria”.

Jogar esses sais (cloreto de sódio e de cálcio) nas ruas e nas estradas dificulta a formação de camadas de gelo. No entanto, isso também causa uma diminuição do coeficiente de atrito e, consequentemente, um aumento do risco de derrapagens e acidentes.

É por isso que se adiciona a areia (dióxido de silício). Ela aumenta a aderência dos pneus ao solo, diminuindo o risco de derrapagem.  

Estrada sem neve


* Créditos da imagem:  GTibbettsShutterstock.com

Assuntos Relacionados