Ununócio

Através do bombardeamento de átomos de califórnio (Cf) com íons de cálcio (Ca) foi possível criar um novo elemento, esse processo é conhecido como síntese em laboratório.

O elemento formado pelo processo descrito acima ficou conhecido como Ununócio (do latim um, um, oito), possui número atômico 118 (118 prótons e 118 elétrons).

O primeiro átomo do elemento 118 foi obtido em 2002, posteriormente em 2005, na segunda rodada de experiências com lançamento de íons de cálcio sobre o califórnio surgiram outros dois átomos do elemento Ununócio.

O interessante é que os átomos do elemento 118 duraram apenas 0,9 milésimos de segundos. O tempo é suficiente apenas para que os cientistas registrem o aparecimento da nova forma atômica.

E o mesmo acontece para outros átomos que são sintetizados em laboratório. Você pode encontrar outros exemplos na Tabela Periódica, eles se classificam em:

Cisurânicos: elementos sintéticos que possuem número atômico inferior a 92, por exemplo: Promécio (Pm), Frâncio (Fr).

Transurânicos: elementos com número atômico superior a 92. Exemplos: Plutônio (Pu), Mendelévio (Md), Unúmbio (Uub).
Como os cientistas realizam descobertas atômicas?
Como os cientistas realizam descobertas atômicas?
Publicado por: Líria Alves de Souza

Assuntos Relacionados