Você está aqui
  1. Mundo Educação
  2. Saúde e Bem-estar
  3. Coletor menstrual

Coletor menstrual

O coletor menstrual é um produto reutilizável que substitui o uso de absorventes e que capta o fluxo menstrual no interior da vagina.

Coletor menstrual
O coletor menstrual é uma alternativa para aquelas mulheres que apresentam alergia ao absorvente comum

Coletores menstruais são uma das várias alternativas para lidar com a higiene pessoal no período da menstruação. Apesar de não ser o método mais utilizado, observa-se um número cada vez maior de adeptas desse produto.

O que é o coletor menstrual?

O coletor menstrual é um produto de silicone que tem o formato de um pequeno copo e que é inserido no interior da vagina. Esse produto coleta o sangue menstrual e, diferentemente dos absorventes, não absorve o fluxo, que fica armazenado até ser retirado após algumas horas. O coletor é recomendado para mulheres que já tiveram sua primeira relação sexual.

Como colocar e retirar o coletor menstrual?

O coletor menstrual deve ser colocado no interior da vagina e ser retirado entre oito e 12 horas depois. Para utilizá-lo, é necessário lavar bem as mãos, escolher uma posição confortável, dobrar e inserir o coletor na vagina. Após introduzido, ele adapta-se ao corpo feminino, criando uma espécie de vácuo que reduz os episódios de vazamento.

Na hora de remover o coletor menstrual, recomenda-se sentar no vaso sanitário, pressionar a base do “copinho” e somente depois puxá-lo pela haste. A pressão na base faz com que o vácuo formado acabe com a entrada de ar. Após a retirada, deve-se esvaziar o coletor e lavá-lo bem.

Quais as vantagens e desvantagens do produto?

Assim como qualquer produto de uso pessoal, existem vantagens e desvantagens na utilização do coletor menstrual. Entre as vantagens, podemos citar o tempo de uso, sem a necessidade de trocas ou remoção, de até 12 horas seguidas. Apesar de ser muito mais caro que o tradicional absorvente, o preço, a longo prazo, é outro atrativo do coletor, já que será mais econômico por causa de sua durabilidade, que pode chegar a 10 anos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Podemos citar ainda um maior conforto em relação ao absorvente comum e a ausência de contato do sangue com a pele. Além dessas vantagens para a mulher, não podemos esquecer dos benefícios para o meio ambiente, uma vez que a durabilidade do coletor colabora para a redução do descarte de milhares de absorventes.

Quanto às desvantagens, podemos citar a dificuldade de manuseio, relatada por muitas mulheres, no momento de inserir e retirar o coletor. Além disso, muitas se sentem incomodadas ao higienizá-lo para um posterior uso.

Como higienizar o coletor menstrual?

O coletor menstrual deve ser higienizado corretamente para evitar qualquer infecção. A cada retirada para o esvaziamento (a cada oito a 12 horas), deve-se lavar o coletor com água e sabão neutro, enxaguando-o bem para prevenir irritações pela presença de sabão. Ao final de cada ciclo, é necessário ferver o coletor por cerca de 5 minutos a 8 minutos antes de guardá-lo.

É importante salientar que a limpeza incorreta do produto ou manipulação com as mãos sujas pode levar a infecções. Além disso, a Síndrome do Choque Tóxico, uma infecção bacteriana grave, pode ocorrer caso o coletor não seja retirado após longos períodos de utilização. A ocorrência dessa síndrome já foi relatada com o uso de coletor, apesar de ser um caso bastante raro.

Assuntos Relacionados